segunda-feira, 5 de outubro de 2009

À Pesca...

Fuí à pesca
Nada pesquei
Já não sei mais que fazer
Dá a sensação de que os peixes
Nem disfarçado de peixe
Me querem ver
Já comprei "coreana"
"Casulo" e sardinha
Já mudei de cana
Mas, a sorte é madastra
Em vez de ser madrinha
Já pesquei de noite
De manhã e à tardinha
Raio de sorte madastra
Que nunca mais vira madrinha
Já mudei de linhas
De amostras e anzóis
Estudei as tabelas das marés
Das luas e dos sóis
Já percorri todos os pesqueiros
Praias à beira mar
Pesquei em manhãs de nevoeiro
Em noites de luar
Fuí a tudo o que era canto
Nesta costa maravilhosa
Mas, foi na vizinha Galiza
Que a pesca foi famosa
Pesquei com "tubo" em Bayona
Numa noite de neblina
A sorte deixou de ser madastra
Nessa noite virou madrinha.

N.A. "Tubo"-na vizinha Galiza é o nome dado ao "casulo"

2 comentários:

Jose Soares (cobrabtt) disse...

Só por curiosidade. Os peixes que estão na foto foram pescados ou comprados?
Se pescados onde fora? Em Baiona?
è preciso Licença de Pesca? É que assim até eu vou com amigos meus para essa zona pescar. Diz alguma coisa.
Teu Irmão Zé Manel

Henrique Mário Soares disse...

Os peixes foram pescados junto ao parque de campismo de Bayona onde costumo acampar.
Tens de tirar licença em espanha tiras no Banco Caixa Galicia o valor são menos de 4euros.
Depois compras tubo(casulo) na casa de pesca que fica em Bayona, se esta estiver fechada tens outra na praia América. Aconselho-te a pescares á noite anzol nº 4ou6.
Teu irmão Henrique